ATENÇÃO

( Nem tudo o que se encontra escrito neste blog é espelho da minha vida! )

:)

domingo, 10 de janeiro de 2010

trajecto .

«Que importa o mal que te atormenta, se o sonho te contenta e pode realizar-se?»

se é mais forte que a razão. permaneço no mesmo sitio, sem um único movimento, agir como nada se tinha passado. relembro o que fiz, quem sou, e o que me faz estar naquele momento paralisada. concluo que tenho que continuar o trajecto que deixei a meio, se o objectivo não vier até mim, então serei eu a persegui-lo com todas as minhas forças, traduzirei todos os códigos que aparecerem, e caminhando chegarei até onde quiser, o medo vai-se apoderando de mim, e eu vou ficando desorientada, mas continuo sem olhar para trás. cada queda , fortalece-me . o limite do medo somos nós que decidimos.

15 comentários:

  1. Tão fofinho *w*
    É da minha prima ^^

    ResponderExcluir
  2. amei esta frase " o limite do medo somos nós que decidimos"
    as tuas palavras, são simplesmente unicas
    amo cada texto teu (:

    ResponderExcluir
  3. Boa Cláudia, gosto de como tu escreves, deitas tudo cá pa fora, consegues exprimir-te a partir da escrita, muitos não têm esse talento, aproveita-o ;)

    ResponderExcluir
  4. Adorei (:
    Continua a escrever assim ;D

    ResponderExcluir
  5. simplesmente LINDO.

    ouvi dizer que agora andas de aparelho ahah

    ResponderExcluir
  6. continua a escrever assim minha princesinha e, nunca te esqueças de continuar a sonhar :) Marisa.

    ResponderExcluir
  7. ADOREI! a ultima frase está assim algo de fantástico :)
    ily.

    PS: a imagem do titulo do blog está LINDA! *.*

    ResponderExcluir
  8. "cada queda , fortalece-me" adorei a frase , o texto está lindo *.*

    ResponderExcluir
  9. está lindo *.*
    escreves tão bem , adorei todos os teus textos :$

    ResponderExcluir
  10. claudia, tenho te a dizer que foste a pessoa que eu mais gostei de conhecer na escola, a sério que foste. tens mostrado o quanto bonita és tu. confio muito em ti, e adoro a tua maneira de ver as coisas, dás-me alegria.
    beijinhos minha di * adoro-te

    ResponderExcluir
  11. ps: adoro a tua escrita, nós não somos muito inteligentes mas creatividade não nos falta. por isso chupem pessoal com medias boas xD

    ResponderExcluir
  12. «traduzirei todos os códigos que aparecerem, e caminhando chegarei até onde quiser», adorei. Os teus textos dão muito que pensar. :D

    ResponderExcluir
  13. Às vezes, quanto mais pensamos menos sabemos, mais confusos ficamos. Às vezes, quanto mais procuramos, mais desesperamos, mais ocupados estamos e menos encontramos...

    Gosto do que escreves :)

    ResponderExcluir